Como os chatbots para vendas ajudam a potencializar seus negócios?

17/02/2019 Televendas 0 comentários
Como os chatbots para vendas ajudam a potencializar seus negócios? - Softium
— Confira também —
Um guia para ter um bom sistema de televendas

Os chatbots para vendas utilizam a definição de processos estruturados de atendimento e/ou a aplicação da inteligência artificial para automatizar parte do atendimento ao cliente. Eles são recursos programados, como uma espécie de robô, que oferecem interações previamente definidas para os usuários. Ou seja, esses programas contêm um conjunto de respostas prontas, as quais são dadas de acordo com o contato com o cliente.

Com a integração cada vez maior com a tecnologia, são recursos que têm sido usados com intensidade. Negócios de todos os ramos e tamanhos têm aproveitado esse elemento para gerar novas oportunidades e resultados melhores — inclusive, quanto às vendas.

Quer saber como eles ajudam a converter mais e a potencializar os negócios? Então, descubra o poder e os benefícios dos chatbots para vendas!

Favorecimento da captação de leads

Como funcionam de maneira ininterrupta, esses recursos são ótimas escolhas para que a empresa consiga captar leads que seriam desperdiçados. Para tanto, um uso bastante comum nos últimos tempos é o de chatbots em landing pages específicas.

Imagine, por exemplo, um usuário que visita a página de serviços de uma empresa. Ele já sabe o que ela oferece, mas ainda tem dúvidas sobre o orçamento ou como fazer para contratar. Se não conseguir achar essa informação de maneira prática, é possível que ele feche a janela. Se isso ocorrer, a geração de leads é prejudicada.

Por outro lado, dá para adicionar um chatbot para vendas. Então, assim que a pessoa abre a página, surge uma pequena janela de conversa e que permite a interatividade. O usuário sabe que o recurso está ali, se tiver alguma dúvida ou solicitação. Caso demonstre interesse, o programa pode direcioná-lo para o contato direto com um consultor, o que aumenta as chances de conversão no funil de vendas.

Gerar leads significa, acima de tudo, criar oportunidades. Então, os chatbots são ferramentas que ampliam o número de possibilidades que serão trabalhadas pelo time comercial.

Automação e agilidade no atendimento

Em um mundo cada vez mais conectado, as pessoas já não querem ser atendidas apenas no horário comercial. Dúvidas e problemas podem surgir a qualquer instante e é preciso ajudar o seu cliente em todas as situações. No entanto, muitas vezes, não é viável manter uma equipe de atendimento 24 horas por dia.

Com o chatbot, oferecendo respostas predefinidas para vários tipos de demandas ou pelo menos registrando a necessidade para um posterior retorno de um vendedor ou atendente humano, as pessoas podem ser atendidas de forma prática, sempre que quiserem. Ao mesmo tempo, o negócio não tem que investir muito mais e consegue ter uma excelente gestão.

Tudo isso faz com que a pessoa fique satisfeita e, como consequência, tenha uma imagem melhor do empreendimento. Em médio e longo prazo, leva a um aumento do nível de fidelização e de recompra. Também é menos complexo atrair novas pessoas e receber indicações dos compradores atuais.

Coleta e uso de dados relevantes dos clientes

A programação dos chatbots para vendas é indispensável para que o recurso tenha sucesso. Para tanto, o ideal é que ele seja alimentado com dados relevantes. Assim, a atuação pode ser ainda mais personalizada.

Ao integrar o chatbot ao CRM, por exemplo, a ferramenta terá informações sobre os clientes, de maneira individual. Então, poderá usar esse conhecimento de forma estruturada em um próximo atendimento.

Além de tudo, o chatbot também ajuda a captar informações das oportunidades e dos consumidores. Em um e-commerce, por exemplo, a ferramenta consegue entender a navegação de página de cada pessoa, assim como o uso do carrinho de compras e as preferências.

Também é uma forma de trazer uma abordagem leve para realizar pesquisas de satisfação e para solicitar feedback. Com isso, ele se torna um canal de captação de dados que serão usados para otimizar o processo de vendas.

Melhora da experiência do consumidor

Com as mudanças no comportamento de consumo, as pessoas têm uma expectativa cada vez maior sobre interações personalizadas. Cerca de 80% dos clientes online desejam uma experiência personalizada, por exemplo. Em um negócio com centenas ou milhares de acessos, isso pode parecer impossível.

Com o chatbot para vendas, no entanto, fica menos complexo atender a esse pedido. A alimentação de informações convenientes, como o histórico de compra, permite que a ferramenta mostre produtos semelhantes ou lançamentos que possam ser de interesse.

Também é um jeito de garantir que o recurso chame cada cliente pelo nome, de acordo com os dados fornecidos. Isso gera uma aproximação no contato e faz com que a pessoa se sinta realmente contemplada.

Ao somar o cenário a um atendimento robusto, útil e sempre disponível, os compradores ficam muito mais satisfeitos com a experiência. Como consequência, o relacionamento com o empreendimento é favorecido.

Aumento do ticket médio

Outro impacto dos chatbots para vendas é que eles ajudam a ampliar o ticket médio ou gasto médio de cada cliente. Por causa do aumento de satisfação e da experiência personalizada, são reforçadas as chances de as pessoas comprarem. Indo além, há maiores probabilidades de os consumidores gastarem mais.

É o caso de um e-commerce em que o chatbot apresenta itens relacionados ou relembra o cliente dos produtos que ainda estão no carrinho. Quando feito de forma adequada e agradável, esse direcionamento expande as chances de consumo.

A consideração sobre o comportamento de compra também é determinante para que os visitantes se sintam mais atraídos a fazer uma aquisição maior. Na média, isso leva a um aumento da lucratividade.

Integração de diversos canais de atendimento

Por causa da grande conexão de recursos tecnológicos, é comum que o atendimento aconteça em vários segmentos. Um usuário pode visitar o site, seguir para as redes sociais e terminar a aquisição na loja física, por exemplo. O omnichannel está cada vez mais presente e as empresas devem estar preparadas para isso se quiserem converter.

Com o uso dos chatbots para vendas, é possível fortalecer essa integração. Os dados coletados pela ferramenta podem ser lançados em um CRM. Então, por telefone ou pelas redes sociais, a equipe de atendimento usa essas informações para direcionar a abordagem. O mesmo vale para o time comercial ou para a solução de problemas.

Com tanta integração, há máxima visibilidade sobre o comportamento, as preferências e as necessidades de quem compra. Assim, as chances de conversão se multiplicam.

Os chatbots para vendas são recursos versáteis e que ajudam a alavancar os resultados do empreendimento. Para obter todos os efeitos, é essencial trabalhar com empresas que forneçam soluções de software de qualidade, de modo a melhorar o desempenho.

Como essa parceria é tão importante, entre em contato com a Softium e veja como podemos ajudá-lo!